Archive for julho, 2015

jul, qua, 2015
|

Hoje, é dia de casamento bebê!!

Ah… que felicidade ao fotografar um casal como este!

Gente, o que falar da Maria e do Pedro? Chegaram a mim pelos queridos Ana Paula e Vinícius, noivos cujo casamento já havia fotografado.

Confesso que no início fiquei preocupado, afinal a responsabilidade era grande! Indicado e contratado por uma “ex-noiva”, para fotografar um casamento de dois comunicadores, habituados às imagens de qualidade… Não é mole não!

Depois de nossa reunião, aqui no escritório, ficou claro que a tônica do casamento seria a descontração, até porque eles haviam frisado bem o fotojornalismo.

Agora, eu não sabia que os dois eram tão gaiatos, brincalhões e apaixonados assim!

Ver a entrega deles e a confiança no que fazíamos, agora, ao rever as fotos, me emociona… Me deixa feliz, porque é o mais claro exemplo de que com pequenos gestos, com simplicidade, fazemos um belo trabalho, e, acima de tudo, um dia inesquecível.

Assim, só tenho a agradecer a essas duas figuras e, é claro, às amigas dela que me contrataram!! rsrsrsrs

Com certeza, me tornei uma pessoa mais feliz e leve depois de conviver com vocês!

Obrigado!

Curtam um pouquinho do dia de vocês, seus doidos!

Bjs e abs, JC Xavier.

MP_001 MP_002

As responsáveis indiretas pelas fotos! rsrs

Read the rest of this entry …

jul, ter, 2015
|

Certa vez, ouvi de um fotógrafo (e pessoa) que admiro muito que as nossas fotos têm que fazer algum sentido, acima de tudo para aqueles que estão sendo fotografados.

Sabe de uma coisa: concordo com ele! Afinal de contas, não adianta eu gostar de uma foto, se ela não quer dizer nada ao fotografado.

Assim, venho tentando dar um sentido maior para as minhas imagens, mesmo que elas possam parecer inexplicáveis.

Dentro da história de cada pessoa que tenho fotografado, com certeza, tem havido um porquê, uma força maior que me faz registrar determinado momento de uma maneira peculiar.

Mais um exemplo do que estou falando, aconteceu na sessão pré-wedding da Tininha e do Leandro…

Um casal de amigos, super descolados e que, até ontem, pra mim, tinha nele a pessoa mais envergonhada.

Obviamente, depois de uma longa conversa com os dois, descobri que ela é a tímida e ele o brincalhão.

Decidimos começar as fotos no apto deles… vazio, ainda com obras por fazer, sem uma luzinha sequer!

Não sei o que eles vão achar das fotos que fizemos lá, mas tenho certeza de que se lembrarão como batalharam para conquistar o sonho da sua primeira casa, onde começaram juntos a dar os primeiros passos como família.

Isto, pra mim, já basta… Fora o fato prático e óbvio de que ninguém mais terá essas fotos né?!

Depois, partimos rumo à Camboinhas, na região oceânica de Niterói. Fomos à casa da família dela, um lugar aconchegante e de onde eles guardam belas memórias.

Fomos fotografar na praia, pois era um desejo dela… e acabei descobrindo na leveza do amor que os une, o real motivo de estarmos ali.

Uma simplicidade que se traduziu na cumplicidade dos abraços e olhares que tentarei mostrar abaixo.

Bjs e abs meus amigos!

Sejam sempre assim… felizes!

JC Xavier

CL_001Entre quatro paredes, pensando no futuro!

Read the rest of this entry …